Se tivesse cantando o Hino Nacional na Escola, isso não aconteceria - Não leve por trás
ZePiqueno por ZePiqueno
27 fev 2019 às 16:33
Enquanto isso na saída da escola.


Brasil, o País onde a inversão de valores predomina.

Para a esquerda, cantar o Hino Nacional nas Escolas, não pode! Mais putaria para a criançada está 100% liberado.

O que não envolve interesses políticos, eles não estão nem ai. Essa é a realidade.



18 comentários. Comente também!

  • Seu comentário pode demorar alguns segundos para aparecer, devido ao cache do site.
  • Comentários com links, seram antes analizados pela moderação.
  • Bom senso disse:

    A questão não é o hino nacional. Por acaso já tem lei tornando obrigatório o canto desde 2009. O problema é só o slogan de campanha de um dos candidatos. e por outro lado tem a qUestão religiosa. Se no futuro o presidente for do candomblé, vai ser de boa obrigar todos os alunos a falar Xangô acima de todos? E os alunos ateus também não contam?

    • Seu pai disse:

      Ótimo comentário, site de humor querendo aumentar a polarização.
      Esquerda e direita o povo tomando (°)

    • david disse:

      pqp… o slogan estava apenas no final da carta e não como uma obrigação ou orientação para os falarem depois do hino… pqp, o brasileiro não sabe ler e interpretar uma simples mas quer criticar

      • Seucu disse:

        O cara não leu a merda da carta. Tinha três orientações: cantar o hino, falar o slogan e filmar. Saber ler e contar é importante. Durante a semana o ministro foi voltando atrás nos pontos. E o babação ainda está defendendo uma coisa que o colombiano já desistiu. Kkkk

    • Só uma pequena observação, olha ai quem é o autor da postagem.

      Tô levando bucha pelo que eu nem fiz, essa dai não foi eu rsrs

      Criamos a área de postagem dos leitores, para que todos pudessem expressar suas opiniões, bastar se cadastrar e criar sua postagem 😉

      Lembrando que opinião é que nem c*

  • dando paulada em sonso disse:

    up

  • brazuca disse:

    Quando estudei em escola municipal no inicio dos anos 2000, cantávamos o hino, e isso nunca impediu a putaria de comer solta.

  • potariatasolta disse:

    Na minha época a minha mãe me batia se eu falasse palavrão, era uma coisa absurda aos ouvidos de todos, ou pelo menos da maioria. Hoje em dia palavrão é música.

    Que Karaioooooo

  • Ananda Miler disse:

    Detesto Funk, mas ver site de humor vir com moralismo barato, alucinando nessa história de esquerda demoníaca e de se pedir intervenção alienígena mesmo…

    Pelo nível do conteúdo do site não sei porque a reclamação, pois pelo visto os autores do site não frequentam uma escola…

    kkkkkkkkkkkk

    • Willian disse:

      Sou ateu e naturalmente concordo com o alarde feito sobre ferir a laicidade do estado, porém o argumento de que a presença do objeto religioso seja criminoso está errado. A laicidade garante que haja espaço igual para a manifestação de toda a religião e crença. Assim, o problema está na obrigatoriedade de manifestar a fé cristã. Na escola em que lecionei física entre 2014 e 2016 cantavamos o hino nacional e havia um espaço para uma oração toda segunda-feira. O hino era obrigatório enquanto a oração era totalmente facultativa, alguns alunos me acompanhavam em direção a sala logo após o hino, já que também não viam simbolismo naquilo. Simples assim.

      • Willian disse:

        E completando, o blog de humor tem todo o direito de manifestar sua opinião. Assim como você, eu e até o Alexandre Frota. Independente do que a pessoa fez ou disse (ou filmaram comendo um travesti) no passado, você não pode controlar o direito dela de se expressar, é assim que ela evolui e ser contraria a isso é fascismo.

  • Monk_Dexter disse:

    Estudei na década de 90 e era obrigado cantar o hino nacional, meninos em uma fila e meninas em outra. Não me faz mal algum, aliás se pedir eu canto o hino do começo ao fim devido a esse fato, aprendi a ter orgulho da bandeira brasileira, mas do país não to muito orgulhoso não kkkkkkkk… Essa nova geração está perdida.

  • Marcos Vinícius disse:

    Parabéns pela coragem em fazer este post e o comentário.

  • Flavio disse:

    Cara, mesmo né!!!

    Não vi putaria, só 2 crianças dançando
    Acabou a campanha, pára q ja tá feio.,

  • Gabriela disse:

    Gente! O problema é obrigar alguém a fazer algo que não quer. O problema é em filmar crianças sem autorização dos pais. O problema é achar que um hino vai melhorar algo. Tenho 33 anos e sou da geração que era obrigada a honrar a bandeira todo o dia. E me diz o que me trouxe de benefício isso? Vamos lá honrar a pátria.! Vamos tornar nossas crianças em alienados políticos. A nossa pátria falida a 20 anos. Um hino vai melhorar tudo mesmo…

  • João disse:

    Que site merda

  • nivaldo junior disse:

    exato !! honrar a patria começa pelos politicos !! Quem sabe depois por site de humor com comentarios muito tedenciosos rsrs !!!

Entre na sua conta